• Entre em contato conosco:
  • Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

As Últimas da FVee Brazil

Notícias, destaques e os fatos mais recentes da Formula Vee Brazil.

Saiba como foi a história de José Carlos Pace na Fórmula Vee

Homenageado neste fim de semana em Interlagos, piloto disputou duas temporadas e conquistou uma vitória.

 

José Carlos Pace será homenageado pela Fórmula Vee neste fim de semana, com duas provas no autódromo de Interlagos. Um dos maiores nomes do automobilismo nacional, Pace correu de FVee no final dos anos 1960, antes de seguir carreira na Europa até chegar à Fórmula 1.

Pace fez sua estreia na FVee na primeira prova da categoria no Brasil, que está prestes a completar 50 anos. Foi em 14 de maio de 1967, no Rio de Janeiro, pela primeira etapa do Campeonato Brasileiro.

Logo em sua prova inaugural, Pace terminou a primeira bateria em segundo, atrás de Emerson Fittipaldi. Ambos corriam com o modelo Fitti-V, criado por Emerson e Wilsinho Fittipaldi, que implantaram também a categoria no Brasil.

Na segunda bateria, Emerson voltou a vencer, e Pace terminou em quarto. Na soma das duas baterias, Pace foi o terceiro colocado. Ele repetiria a mesma classificação em todas as demais três etapas do campeonato.

Ao final do primeiro Brasileiro de FVee, Pace foi o terceiro colocado, atrás do campeão Emerson e do vice Marivaldo Fernandes. Wilsinho terminou em quarto.

No ano seguinte, o Campeonato Brasileiro teve apenas duas etapas. E Pace venceu a primeira, disputada em 18 de agosto, no circuito de Duque de Caxias, no Rio, em duas baterias.

Naquela etapa, Pace venceu a primeira bateria, à frente de Emerson. Na segunda, ele foi o segundo, atrás de Ricardo Achcar.

Na segunda etapa do Brasileiro de 1968, Pace não competiu. Ele terminou a competição em quarto lugar na classificação final. O campeão da temporada foi Ricardo Achcar, seguido por José Maria Ferreira “Gui”  e Norman Casari.

Assim foram as duas temporadas de Pace na Fórmula Vee, sempre em companhia dos amigos Emerson e Wilsinho Fittipaldi. A FVee iniciava então sua tradição na formação e revelação de grandes pilotos. Logo em seguida, ele foi para a Europa onde competiu de F-3 e F-2 até sua estreia na F-1, em 1972, pela Williams. 

Pace disputou a principal categoria do automobilismo mundial até sua morte, em 1977, no acidente aéreo em Mairiporã (SP). Na época, ele corria pela Brabham, equipe que o levou a sua única mas marcante vitória na F-1, no GP Brasil, em Interlagos, em 1975, quando fez dobradinha com Emerson, o segundo colocado.

Após 40 anos do trágico acidente, o amigo Wilsinho Fittipaldi e a FVee prestam esta homenagem com duas provas em Interlagos. A primeira, no sábado, será válida pela 2ª etapa do Campeonato Paulista.

 

As informações deste texto, bem como as fotos, foram extraídas do site www.lorenagt/formulave do empresário e colecionador Mario Estivalet.

 

A programação do GP José Carlos Pace em Interlagos, com entrada franca, é a seguinte:

Sexta (31/3)

Treinos livres das 8h às 8h30 e das 12h30 às 13h

Sábado (1/4)

Treino classificatório para 1ª bateria do GP José Carlos Pace, das 7h30 às 7h55

GP José Carlos Pace (1ª bateria), às 11h (30 minutos de duração). Prova válida pela 2ª etapa do Campeonato Paulista

Treino classificatório para 2ª bateria do GP José Carlos Pace, das 17h45 às 18h

Domingo (2/4)

GP José Carlos Pace (2ª bateria), às 8h30 (30 minutos de duração)

 

Leia também: FVee faz homenagem com o GP José Carlos Pace em Interlagos

 

Crédito das fotos: reprodução site www.lorenagt/formulave de Mario Estivalet

 

Capa da revista Auto Esporte, com a vitória de Pace na primeira etapa do Brasileiro de FVee, em 1968.

 

Emerson, Wilsinho Fittipaldi e Pace, em foto de 1972, quando corriam juntos na Fórmula 1.

 

 

Pace (2) e Ricardo Achcar (100) travam duelo pela liderança na primeira etapa do Brasileiro de FVee, em 1968, em Duque de Caxias, no Rio.

 

 

  

 

 


Outras Notícias